quarta-feira, 22 de junho de 2011

SINGLE PORT


Uma vez no hospital ouvi um cirurgião falar em SINGLE PORT (um uro, muito ligado as novas tecnologias, muito estudioso, competente, extremamente exigente, mas que também ensina muito e muito bem!), sem saber do que se tratava e pensando ser algo muito mais complexo e difícil de entender do que realmente é, eu fui logo pesquisar e tive boas surpresas a respeito.
Single Port ou portal único, é "um tipo de cirurgia videolaparoscópica" com apenas 1 incisão, na cicatriz umbilical! Muito interessante não?!


Quais são as vantagens e desvantagens da cirurgia Single-Port ?

O principal ganho com a técnica de portal único reside no fato de ser minimamente invasiva e agredir ao mínimo a parede abdominal, podendo reduzir complicações que ocorrem após a cirurgia aberta e, mesmo a cirurgia laparoscópica tradicional abdominal. Além de considerável ganho estético, pois se trata de pequena incisão realizada dentro do umbigo, ficando praticamente imperceptível.
Para o cirurgião, a abordagem de porta única é mais exigente do que a laparoscopia tradicional, pois o cirurgião tem menos liberdade de movimento utilizando o mesmo ponto de entrada. Instrumentos modernos e especialmente concebidos para estas cirurgias contribuem para superar essa limitação.

Que procedimentos podem ser feitos usando o Método Single-Port ?

Apendicectomia
Colecistectomia
Histerectomia
Ooforectomia
Cirurgia de obesidade
Cirurgia de refluxo
Cirurgia de hérnia
Esplenectomia
Colectomia

Quem é um candidato para a cirurgia Single-Port ?

Os pacientes considerados para cirurgia laparoscópica também podem ser candidatos para um procedimento de portal único. Os doentes podem não ser elegíveis se tiveram cirurgias abdominais principais múltiplas ou são obesos mórbidos, pois ambas as situações podem limitar os procedimentos.